quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Dia dos namorados 2018

Comemoramos o dia dos namorados em grande estilo.
Fiquei o final de semana todo pensando em fazer algo legal pro dono, nossa relação não estava indo bem e depois de muita conversa começamos a nos entender.
Fiz minhas tarefas diárias e fui para o treino, quando cheguei em casa comecei a botar em pratica o plano pois em um hora dono chegaria.
Separei alguns itens e coloquei todos em cima da cama com algumas pétalas perfumadas
Coloquei café em um copo e escrevi um bilhete pedindo para ele pegar o copo ir ate o quarto dos fundos e deixei na sala. No quarto a musica estava preparada, havia uma cadeira pra ele sentar, eu vestia uma calcinha perfumada de amarrar, um sutiã preto strappy e uma saia curtinha.
Quando ele chegou pegou o café e subiu direto pro quarto. Coloquei a musica e comecei a dançar pra ele, girando, rebolando, rastejando no chão enquanto ele assistia tudo sentado e as vezes me tocava. Após a musica acabar ele agradeceu achando que era só uma parte da surpresa e demos uma pausa para comer e assistir.
Eu permanecia excitada o tempo inteiro, louca pra termos uma sessão, Após a pausa ele foi tomar banho e só depois de ter tomado que entrou no quarto e viu a cama com os itens em cima dela. Olhou pro relógio e decidiu que era a hora de me usar.
Eu havia separado duas cordas, a cane, três velas, o flogger, o prendedor pra seios com vibro, massageador, vibrador cyber, excitante feminino, vibrador liquido, caneta comestível, minha coleira e a bondage tape.
Ele ordenou que eu me ajoelhasse e colocou a coleira no meu pescoço. mandou eu levantar e ficar de 4 na cama, pegou as cordas e amarrou minhas pernas, o bondage tape e colocou em volta da minha boca me impedindo de falar.
Como fazia um tempo que não tínhamos sessões ele me deu um gesto de segurança caso eu chegasse ao limite e então pegou a cane e deu leves golpes. Para aquecer a pele usou o flogger e foi aplicando varias sequencias, uns golpes mais leves, outros mais pesados e aquilo me deixava doida, eu gemia, ficava encharcada, ele pegou os prendedores e colocou nos meus seios deixando a vibração ativada, logo voltou a usar a cane e aplicar golpes rápidos na minha pele enquanto parava e dava leves mordidas, logo eu chegava ao meu limite e fazia o gesto que foi dado por ele.
Pegou a caneta e escreveu algo na minha bunda, logo em seguida lambeu, usou o vibrador liquido espirrando-o em mim, pegou o vibrador Cyber , o excitante passando em mim antes de me penetrar com o item, meu corpo se acostumava com o tamanho do vibrador, as primeiras estocadas doeram, mas me trouxeram um prazer indescritível, eu gemia de forma incontrolável sendo fodida pelo acessório. logo depois senti também o massageador em mim e tive um orgasmo com o uso dos dois acessórios.
O cyber continuava dentro de mim e então dono começou a me desamarrar enquanto mexia no vibrador me fazendo gemer. Ele tirou o bondage tape, os prendedores e logo em seguida o vibrador aproveitando para me penetrar enquanto as cordas ainda não estavam soltas. Foi algo rápido e logo depois eu estava livre das cordas.
Me ordenou que ficasse de joelhos e começasse a chupar ele, e assim eu fiz, seu pau estava bem duro e então recebi outra ordem de ficar em pé. ele me encostou na cama de costas pra ele com os pés no chão e a barriga na ponta da cama. Me penetrou de uma só vez, fazendo movimentos fortes e cada vez mais fundos. Eu gemia muito alto e estava a beira de outro orgasmo, Consegui chegar la e logo em seguida ele saiu de mim me mandando ficar de joelhos pra tomar leitinho.
Gozou na minha boca e tomei tudo.
Depois fomos fazer fondue de queijo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário